Estrutura Residencial para Pessoas Idosas

O progressivo envelhecimento demográfico, decorrente do desenvolvimento socioeconómico, da ciência e da tecnologia, é um fenómeno marcante da sociedade moderna. Sendo um fenómeno biológico, psicológico e social, o aumento da longevidade, nem sempre corresponde a um nível de bem-estar ou a um grau de autonomia que possibilite aos mais velhos uma vida de acordo com as suas necessidades e expectativas.

A realidade mostra porém, que há um número considerável de pessoas idosas que na ausência de resposta no seu meio natural de vida, necessita do empenho e competência das respostas sociais para que as dimensões física, psíquica, intelectual, espiritual, emocional, cultural e social da vida de cada indivíduo possam por ele ser desenvolvidas sem limitações dos seus direitos fundamentais à identidade e à autonomia. Por isso, é frequente a necessidade de recorrer a essas respostas sociais, em que se inclui o alojamento em Estrutura Residencial para Pessoas Idosas (ERPI), a título temporário ou permanente.

A Estrutura Residencial para Pessoas Idosas (ERPI) é uma resposta social do Centro Paroquial de Bem-Estar Social de Valverde, desenvolvida em equipamento, que visa o alojamento colectivo proporcionando serviços adequados à problemática biopsicossocial das pessoas idosas, ou outras em situação risco de perda de independência e/ou autonomia, por inexistência de retaguarda familiar, contribuindo para a estabilização ou retardamento do processo de envelhecimento, potenciando um envelhecimento ativo e feliz.

A Estrutura Residencial para Pessoas Idosas do Centro Paroquial de Bem-Estar Social de Valverde, rege-se por um serviço de qualidade, eficiência, humanização e respeito pela individualidade dos clientes/utentes.

Para responder às necessidades e expetativas dos idosos, a equipa da ERPI é composta por uma equipa de profissionais multidisciplinares que, em conjunto, asseguram os cuidados básicos e promovem várias actividades no sentido de contribuir para a promoção da qualidade de vida dos residentes, designadamente Assistentes Sociais, Dietista, Fisioterapeuta, Animadora Cultural, Psicóloga, Médicos, Enfermeiros, Ajudantes de Ação Direta, Auxiliares de Serviços Gerais.

Contudo, existe ainda um conjunto de recursos humanos transversais ao Centro Paroquial de Bem-Estar Social de Valverde que apoiam estes serviços.

 

Este website usa cookies para melhorar a experiência do utilizador. Ao continuar a utilizar o website, assumimos que concorda com o uso de cookies. Aceito Ler Mais